Extase

Extase

Eu devia ter sentido o teu rancor
mas tava doido num jogo de vasco-ô-ô-ô!
Eu fiquei cego na estrada de damasco
e armei num botequim, virei a mesa
tava em êxtase que nem santa teresa

Eu devia ter partido a tua cara
mas eu era um são sebastião flechado
mais um seu zé mané, ungidoe mal pago(ooo)
escada pro céu na rua da passagem
aura marginal do morto na garagem

barrabás, querubim, pinel
eu, xará, um bárbaro arataca saqueando roma
eu, xará, um bêbado babac'(a)em estado de coma
eu, xará, o cordeiro de deus, o bode expiatório

a testemunha ocular que não tem nada a ver
o condenado que não tem nada a perder
o mordomo na chanchada de suspense
o presunto na baixada fluminense

%d bloggare gillar detta: